Início ÁsiaCambodja

    Cambodja

    População - 15,957,223

    Capital - Phnom Penh

    Língua oficial - Khmer

    Moeda oficial - Riel

    Código Internacional de telefone - +855

    Fuso horário - UTC/GMT +7

    Principais aeroportos - Aeroporto Internacional de Phnom Penh | Aeroporto Internacional de Siem Reap

    Pontos turísticos do Cambodja

    Tonle Sap

    Tonle Sap é o maior lago de água doce do Sudeste Asiático, estendendo-se e encolhendo de acordo com a estação do ano. Em Tonle Sap, em aldeias flutuantes, habitam várias etnias vietnamitas e numerosas comunidades Cham. Habitações, lojas, igrejas, escolas e templos assentam em fundações rudimentares de bóias e bambu e todo o transporte é efectuado por barco.

     

    O maior lago do Sudeste da Ásia, Tonle Sap, fornece sustento e água para cerca de metade da população do Cambodja. Mais de 90 mil pessoas vivem dispersas pelas mais de 170 localidades do lago. O lago de Tonle Sap está a uma curta distância de Siem Reap e muitos dos visitantes aproveitam para fugir um dia ao reboliço dessa localidade.

    Sihanoukville

    Sihanoukville é o destino de praia mais concorrido do Cambodja. Sihanoukville é o único porto de águas profundas do país, tornando grande parte da cidade num complexo industrial e pouco atraente para os turistas. No entanto, a região está rodeada pela Baía da Tailândia e existem praias para todos os gostos, desde zonas mais vibrantes com bares e restaurantes até outras mais pacíficas e mais indicadas para quem deseja relaxar.

     

    Existem várias actividades para passar o tempo como natação, pesca, snorkelling, mergulho e passeios de barco para as ilhas vizinhas e visitas a templos budistas. Ao que consta, existem planos para permitir a instalação de grandes resorts que, por certo, vão arruinar o que resta da tranquilidade da região.

    Angkor

    Angkor é incontornável, a imagem de marca do Cambodja e, sem dúvida, uma das maravilhas do mundo. O complexo de templos de Angkor é vasto e um dos mais ricos sítios arqueológicos do mundo. O interior da lendária cidade perdida dos Khmers é composto por centenas de templos - desde ruínas até ao imponente Angkor Wat - apontado como o maior edifício religioso do mundo.

     

    Outro local de renome é o Templo Ta Prohm que figura no filme de Hollywood Tomb Raider, com Angelina Jolie na pele de Lara Croft. Ou o Templo de Bayon e as suas míticas figuras de faces esculpidas na rocha.

     

    É aconselhável reservar pelo menos dois dias para visitar o complexo de Angkor, sendo que Siem Reap é o local mais procurado como base para a exploração. Diz-se que a visita a Angkor é particularmente impressionante ao nascer e pôr do sol.

    Ratanakiri

    Este é o local que muitos apontam como único e longe das multidões de Siem Reap e Angkor. A região é composta por dezenas de aldeias de minorias étnicas e aqui encontram-se percursos para quem deseja optar pelas caminhadas, contacto com a natureza e aventura. Um dos destaques é a visita ao Parque Nacional de Virachey - onde poderá encontrar tigres ou elefantes - e o cenário deslumbrante do Lago Yeak Lom.

    Koh Rong Samloem

    A sul do Cambodja existem várias ilhas que competem, em termos de beleza natural, com a vizinha Tailândia, mas longe do excesso de turismo que afecta Phuket, por exemplo.

     

    Koh Rong Samloem é uma das mais fantásticas ilhas, com extensos areais, águas límpidas e redes para dormir suspenso sob o mar sereno. Claro que, se desejar interromper a sesta, poderá saltar da rede, colocar os óculos de mergulho, a máscara e as barbatanas e mergulhar no Oceano Índico.

    Quando visitar o Cambodja

    O clima do Cambodja é caracterizado pela presença de duas monções muito influentes. De Maio a Outubro, a monção do Sudoeste domina, com chuva, ventos forte e humidade elevada. Em contraste, a monção do Nordeste assola o país de Novembro a Março e arrasta pouca precipitação.

     

    Tendo em conta as condições climatéricas, os meses de Dezembro e Janeiro são os melhores períodos para viajar para o Cambodja, mas qualquer altura entre Novembro e Fevereiro é considerado ideal para visitar. Nesta altura a chuva é rara e a humidade reduzida. No entanto, terá de dividir as praias e templos com multidões de turistas.

     

    A partir de Fevereiro, o calor e humidade tornam-se quase insuportáveis, mas os preços baixam e a maior parte dos turistas regressa a casa. Durante a estação quente, entre Março-Maio, Phnom Penh sobe aos 35°C. Este é um bom momento para visitar a costa, enquanto Angkor se transforma num forno ao ar livre.

     

    Se visitar o Cambodja durante a estação chuvosa - Junho a Outubro - poderá encontrar alguns problemas nos transportes, mas irá observar os campos verdejantes e o intenso verde tropical no seu esplendor.

    Cambodja - Estado do tempo



    Segurança no Cambodja

    Antes de partir de viagem é extremamente importante verificar quais as condições de segurança no país e região que vai visitar. Há vários motivos para dar uma vista de olhos nas informações detalhadas sobre segurança. Primeiro, pela sua própria salvaguarda e, também, para planear melhor a sua viagem. Depois, para se manter actualizado caso ocorra alguma situação menor ou grave durante a sua estadia no Cambodja.


    O site do Governo inglês é actualizado com muita regularidade para todos os países e o meu conselho é que, mesmo antes de reservar o voo para o seu destino de eleição, espreite o site e verifique se existe alguma indicação de problemas. A informação está, obviamente, escrita em inglês, mas caso tenha dificuldade em perceber a língua inglesa pode optar por um tradutor online como o Google.


    Alguns exemplos que podem surgir antes ou durante a sua estadia e que merecem monitorização permanente são: atentados em Londres, manifestações na Venezuela, greves e cortes de estrada na Bolívia, furações nas Caraíbas, inundações na Ásia, ou fogos florestais em Portugal. Além disso, o site dispõe - para alguns países - de mapas regionais detalhados indicando os locais em que é desaconselhada a visita para turistas.

    Artigos sobre o Cambodja


    Ainda não existem artigos. Explore outros destinos nos Lugares Incertos